• Admin

Coronavírus: quais são as atividades que mais contaminam?

Hoje já é comum sair de casa usando máscara e cuidando com o distanciamento social. Mas qual é o risco de ir em um salão de beleza ou comer em um restaurante?  Sabemos que é impossível estar 100% protegido da contaminação, mas vamos listar aqui algumas das atividades que mais oferecem perigo. Com o aumento no número de casos aqui no estado de SC agora no mês de julho, é recomendado evitar o máximo possível atividades de risco elevado.

Veja:

Risco Alto

corredor de um avião
  • Viagem de avião: deve ser evitada o máximo possível. Os aeroportos costumam ser um local que as pessoas andam distraídas. Por isso é mais difícil manter o distanciamento social e cuidar da higiene das mãos e máscaras. Fora isso, você ainda tem contato com pessoas do mundo todo no aeroporto, que podem estar vindo de locais de alto risco (e carregando o vírus, mesmo sem saber). Se precisar viajar mesmo assim, use máscara o tempo inteiro e procure higienizar bem as mãos e o local de sua poltrona.

  • Ir a um bar: pode ser considerado de alto risco porque o álcool tende a desinibir as pessoas, podendo levar a esquecer o uso de máscaras e distanciamento social. Ainda deve ser levado em consideração a questão da higiene do local. Para reduzir o risco, evite ir a bares. 

  • Cortar o cabelo: a distância próxima com o profissional que pode ou não estar carregando o vírus é um risco. Mesmo que você esteja usando máscara, ainda há um risco. Uma das maneiras de se reduzir o risco é procurar um local que não esteja tão cheio, limite o número de clientes, seja ventilado, e mantenha janelas e portas abertas. E procure ficar o mínimo de tempo necessário. 

Risco Médio

mulher dentro de um mercado escolhendo uma fruta
  • Comer dentro de restaurante: alguns dos riscos podem ser a exposição a pessoas que podem estar carregando o vírus. Na parte de fora do restaurante o risco é menor, uma vez que ao ar livre pode ajudar a dispersar o vírus, diminuindo as chances de você respirar partículas de ar que possam estar contaminadas. Também no restaurante você vai estar próximo a pessoas sem máscaras. Uma maneira de reduzir os riscos é comer ao ar livre ou se certificar de que o local não esteja tão cheio.

  • Academia: para ser considerado um local seguro, depende do tamanho, se está cheia, e do distanciamento entre os frequentadores. Diminua os riscos procurando frequentar locais que limitam a quantidade de pessoas dentro. Não esqueça de higienizar o equipamento antes e depois que você usar.

  • Mercados e Supermercados: oferecem risco por serem locais em que normalmente há um fluxo maior de pessoas. É preciso cuidado na fila para evitar ficar muito perto de outras pessoas. Reduza o risco procurando mercados em que há limitação de pessoas e procure horários diferenciados. 

Risco baixo

dois homens em um parque conversando de máscara
  • Encontrar com amigos ao ar livre: se quiser se socializar com amigos, a melhor opção é se encontrar ao ar livre. Mas para diminuir os riscos, não se esqueça de limitar o número de pessoas ao seu redor e sempre use máscara.

  • Frequentar parques: é uma atividade de baixo risco porque idealmente tem mais espaço entre você e outras pessoas. O risco aumenta quanto mais pessoas tiver e se estão ou não usando máscaras. Mas desde que você se cuide e esteja atento quanto a distância entre outras pessoas, os riscos são considerados baixos. 

Importante: as informações aqui disponibilizadas são apenas de caráter informativo. Se você tiver qualquer dúvida a respeito de sua saúde ou sobre o novo coronavírus, sempre procure um médico. Aqui na Vitae, você pode tirar suas dúvidas com a Dra. Viviane Silva (CRM 10018/SC).


(Texto adaptado. Fonte: https://cnet.co/2CKncjh)


#prevenção #covid19 #medicina #máscara #prevenir

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo