• Admin

O que é e quais são os benefícios dos testes genéticos?

Há 15 anos, o Projeto Genoma Humano, decodificou e apresentou o mapeamento dos genes que compõe nosso DNA. Isso envolveu diversos países inclusive o Brasil.

Os genes carregam os dados sobre as características que nos fazem ser quem somos como a cor dos olhos, o tipo de cabelo, nosso temperamento, risco de desenvolver doenças cardíacas e até alguns tipos de câncer, entre tantas outras possibilidades.

Enfim, eles mostram tudo que herdamos geneticamente da nossa família tanto nos aspectos de doenças assim como possibilidades de saúde através de escolhas mais saudáveis.

Importante salientar que a genética tem em torno de 25% de influência sobre o metabolismo - o resto se deve ao estilo de vida.

uma figura de DNA em quebra-cabeças

Costumo dizer que herdamos genes que podem ficar dormindo, incluindo genes que são do mau como, por exemplo, aqueles que podem levar à Doença de Alzheimer. Daí, sabendo disso, podemos fazer escolhas como uma boa alimentação, atividade física regular, sono restaurador entre outros e nunca acordar esse gene.

Se não temos esse conhecimento, daí podemos acordar esse gene em algum momento de nossas vidas ao fazermos escolhas erradas.

Da mesma maneira também temos genes do bem que nos ajudam muito na nossa qualidade de vida.

Os testes genéticos, bem indicados e avaliados por um profissional competente, pode te ajudar a decifrá-lo para que você possa realizar escolhas mais acertadas.

Esses exames são colhidos de amostras biológicas como sangue, saliva ou raspado da mucosa bucal e permitem diagnosticar doenças genéticas estimando males hereditários mesmo antes de manifestar sintomas.

Eles também ajudam a fornecer informações para a escolha do melhor tratamento médico e nutricional, escolha de medicamentos que podem ter sua ação mais ajustada, podem identificar mutações passadas de pais para filhos e apontar características em crianças com Transtorno do Espectro Autista ou com síndrome de Down para melhor compreensão e terapêutica individualizada.

Podemos avaliar predisposição a obesidade, diabetes, hipertensão arterial, por exemplo. Características de comportamento também podem ser avaliados como timidez, auto estima, sintomas ansiosos ou depressivos..

cientista analisando DNA para teste genético

Alguns motivos para se fazer testes genéticos:

  1. Diagnosticar uma doença genética e assim identificar a mutação responsável

  2. Prever se uma doença vai piorar ou não (prognóstico)

  3. Permitir uma gestão mais eficaz das doenças e decidir qual o tratamento mais adequado

  4. Procurar a mesma alteração genética em outros familiares e dar um aconselhamento genético adequado à família.

Dessa maneira, você pode fazer escolhas mais conscientes e buscar uma qualidade de vida melhor e voltada para sua individualidade.

Ficou interessado? Entre em contato e venha conversar conosco!


Autor:

Dra. Viviane Faria Silva - CRM 10018/SC

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo